Prefeito de Petrolina anuncia decreto com suspensão de serviços não essenciais a partir de segunda-feira (13)

30
Prefeito de Petrolina, Miguel Coelho — Foto: Jonas Santos

Por G1 Petrolina

O prefeito de Petrolina, Miguel Coelho anunciou através das redes sociais na noite desta sexta-feira (10) que o município adotará distanciamento social rígido a partir da segunda-feira (13). A medida que será publicada em decreto, suspende o funcionamento de todos os serviços e atividades não essenciais como comércio, shopping, barbearias, salões, feiras livres, parques e cultos religiosos. De acordo com o prefeito a decisão foi tomada após crescimento no número de casos e óbitos no município.

“A gente percebeu um crescimento de pacientes sintomáticos com síndromes gripais. Esses números começaram a repercutir agora no sistema de saúde. Antes, nas últimas três semanas a gente tinha uma média diária de 150 pacientes que entravam no cadastro para a Secretaria de Saúde acompanhar. Cresceu tanto que hoje a gente saltou de 150 pacientes diários para 250 que procuram o sistema de saúde da prefeitura”, explicou.

Miguel Coelho destacou que 70% das Unidades de Terapia Intensiva (UTI) do sistema público do município estão ocupadas e em alguns hospitais particulares a ocupação chega a 90%. “Nós não vamos esperar o pior acontecer, nós vamos nos antecipar. Vamos com planejamento para poder nos preparar. Infelizmente a pandemia ainda não acabou. A gente precisa lidar com ela, ter muita serenidade e saber que lá na frente isso vai valer a pena porque lá na frente vamos ter salvado a vida de mais pessoas”, enfatizou.

O decreto deverá ser reavaliado no dia 26 de julho, quando haverá uma nova reunião do Comitê de Enfrentamento ao Coronavírus.

O município de Petrolina contabiliza 1.499 casos de Covid-19, com 587 curas clínicas e 35 óbitos, de acordo com o último boletim divulgado.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here