Quem lembra dele? Ex-jogador profissional de futebol, Matuzalém, com passagem por vários clubes internacionais esteve prestigiando o São Pedro de Itapetim

Por João Paulo Pereira em 02/07/2022 às 13:34:39
Na sequência: Matuzalém ao lado de Roberto Baggio no Brescia; marcando Del Piero; abaixo, ao lado de Klose, na Lazio; e registro do início da carreira no Vitória - Foto: Arquivo pessoal

Na sequência: Matuzalém ao lado de Roberto Baggio no Brescia; marcando Del Piero; abaixo, ao lado de Klose, na Lazio; e registro do início da carreira no Vitória - Foto: Arquivo pessoal

O ex-jogador de futebol profissional Francelino Matuzalém da Silva, também esteve prestigiando o São Pedro de Itapetim. O atleta iniciou sua carreira futebolística no Vitória da Bahia e, em 1999, seguiu para a Itália. Jogou no Napoli (1999-2001); Piacenza (2001-2002); Parma (2002-2003); Brescia (2003-2004). Depois, foi para o Shakhtar Donetsk, da Ucrânia, no qual ficou até 2007. Em 2008, defendeu o Zaragoza, da Espanha, e na sequência se transferiu para a Lazio, onde permaneceu até 2013. Ainda passou por Genoa, Bologna e Hellas Verona, na Itália, até chegar ao Miami FC, em 2016, e Real Monterosi, seu último clube.

Matuzalém é natural de Natal, no Rio Grande do Norte, e é casado com a itapetinense Amanda, filha de Alvino, dono de uma oficina de pintura automotiva, na Rua Padre José Guerel.

"Gostei da cidade e das festas, muito organizado", disse o ex-jogador ao Repórter do Sertão.

Matuzalém e sua esposa Amanda no Centro de Itapetim. Foto: Instagram/Reprodução

Ele jogou ao lado de craques como Roberto Baggio e Miroslav Klose na Itália. Também foi contemporâneo e adversário de estrelas do futebol mundial como Ronaldo Fenômeno, Del Piero, Totti, Zidane e Seedorf. No início da carreira, conquistou o título mundial sub-17 com a Seleção Brasileira ao lado de Ronaldinho Gaúcho. Em 2018, participou de um curso de treinador da Federação Italiana de Futebol ao lado de ícones como Pirlo, Cannavaro e Batistuta.

Matuzalém, pelo Genoa, em duelo contra Pirlo, na Itália — Foto: Agência EFE

Na época em que Matuzalém chegou à Itália, o campeonato nacional vivia um momento muito bom, recheado de estrelas como Shevchenko, Boban, Zidane, Del Piero, o próprio Ronaldo. Dos que jogaram ao seu lado, destacou o italiano Roberto Baggio, aquele mesmo que perdeu o pênalti na final da Copa do Mundo de 1994, e o alemão Miroslav Klose, algoz do Brasil no 7 a 1 e maior artilheiro dos Mundiais, além do compatriota Taffarel, com quem trabalhou no Parma, no final da carreira do goleiro.

Matuzalém marcou gols importantes na carreira. Além do gol na decisão do Mundial Sub-17, também marcou outro que abriu o caminho para o título da Supercopa da Itália, em 2009. Foi em duelo da Lazio contra a Internazionale dos brasileiros Julio César, Maicon e Lúcio. O jogo foi realizado no estádio Ninho do Pássaro, em Pequim, na China, com a presença de 80 mil torcedores. A Lazio venceu por 2 a 1.

Lazio de Matuzalém levou a melhor em duelo contra a Internazionale de Maicon, Julio Cesar e Lúcio em 2009 — Foto: Arquivo pessoal

Mas tem outro gol ainda mais marcante, que aconteceu em duelo do Shakhtar contra o Sevilla, na Liga Europa, em 2007 (veja abaixo). O time ucraniano, na época, também contava com Fernandinho e Elano, enquanto Daniel Alves estava do lado espanhol.



A Seleção

Com direito a gol na final contra Gana, Matuzalém foi campeão mundial sub-17 em 1997, em time que contava com o goleiro Fábio, do Cruzeiro, e o atacante Geovanni, ex-Cruzeiro e Barcelona, além de Ronaldinho Gaúcho.

Matuzalém ainda chegou a defender a Seleção na categoria sub-20 e no Torneio Pré-Olímpico para os Jogos de Sydney 2000. Nunca teve chance na equipe principal, embora tenha se destacado no Shakhtar e na Lazio.

Fonte: Repórter do Sertão, com informações adicionais do Globo Esporte

Comunicar erro

Comentários