Bolsonaro sente dores abdominais e Ă© internado em hospital de BrasĂ­lia

Por Portal Folha de Pernambuco com R7 e Folhapress O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) passou mal e foi levado, na madrugada desta quarta-feira (14), ao Hospital das...

Por João Paulo Pereira em 14/07/2021 às 10:41:38
Por Portal Folha de Pernambuco com R7 e FolhapressO presidente Jair Bolsonaro (sem partido) passou mal e foi levado, na madrugada desta quarta-feira (14), ao Hospital das Forças Armadas (HFA), em BrasĂ­lia. Ele acabou internado para fazer exames e o quadro, conforme pessoas prĂłximas ao presidente e fontes do PalĂĄcio do Planalto, Ă© obstrução abdominal. As informações são do Blog do Nolasco, do R7. Segundo nota da PresidĂȘncia da RepĂșblica, Bolsonaro seguiu orientação de sua equipe mĂ©dica para a realização de exames para investigar a causa dos soluços". Ainda de acordo com o Planalto, "por orientação mĂ©dica, o presidente ficarĂĄ sob observação, no perĂ­odo de 24 a 48 horas, não necessariamente no hospital. Ele estĂĄ animado e passa bem". A reunião do ComitĂȘ de Coordenação Nacional para Enfrentamento da Pandemia da Covid-19, que estava prevista para as 8h, foi cancelada. O STF (Supremo Tribunal Federal) divulgou nota informando tambĂ©m o cancelamento da reunião entre os chefes de Poderes. "Foi cancelada a reunião entre os presidentes dos Poderes JudiciĂĄrio, Executivo e Legislativo que aconteceria nesta quarta-feira (14). O encontro serĂĄ oportunamente reagendado", diz o comunicado. Nos Ășltimos dias, o presidente tem convivido com um soluço persistente. Em 9 de julho, ele voltou a reclamar do problema a apoiadores em frente ao PalĂĄcio do Alvorada. "Estou hĂĄ sete dias soluçando e tenho dois discursos hoje e um amanhã, portanto não vou falar muito. Estou poupando aqui falar." Em meados de abril, Bolsonaro revelou que teria de passar por nova cirurgia para corrigir uma hĂ©rnia. Trata-se da sĂ©tima operação do chefe do executivo federal apĂłs a facada que sofreu em setembro de 2018, durante a campanha eleitoral. A confirmação de que o presidente terĂĄ de ser mais uma vez internado ocorreu durante conversa com apoiadores, na entrada do PalĂĄcio da Alvorada. "Talvez, neste ano, mais umazinha aĂ­. Mas Ă© tranquilo, hĂ©rnia. Eu tenho uma tela aqui na frente, estĂĄ saindo o bucho pelo lado. Então, tenho que botar uma tela do lado tambĂ©m", afirmou, na ocasião. ApĂłs sofrer uma facada de AdĂ©lio Bispo, Bolsonaro passou por uma cirurgia em Juiz de Fora (MG), onde estava fazendo campanha na eleição para a PresidĂȘncia. Quarenta e oito horas depois, ele teve de ser submetido a uma operação para reconstrução do trĂąnsito intestinal. HĂĄ quase dois anos o presidente tambĂ©m retirou uma hĂ©rnia que se formou na cicatriz da cirurgia no intestino. Em setembro do ano passado, removeu um cĂĄlculo na bexiga.
Comunicar erro

ComentĂĄrios