Tiroteio em bar no centro de Afogados da Ingazeira deixa um morto e um ferido na noite deste domingo (31)

Por João Paulo Pereira em 01/04/2024 às 08:41:21
Ednaldo Silva não resistiu aos ferimentos e veio a óbito.

Ednaldo Silva não resistiu aos ferimentos e veio a óbito.

Um tiroteio no Bar do Chefe, no centro de Afogados da Ingazeira, na noite deste domingo (31), deixou um homem morto e um policial penal ferido. Segundo informações, Genival de Oliveira Lima, de 42 anos, residente no Sítio Barro Branco, na cidade de Iguaracy, atirou contra Ednaldo Silva, que foi atingido na parte lateral das costelas.

O policial penal Vinicius Lacerda e o policial militar Tenente Gleidson, que estavam no local, deram voz de prisão ao acusado que atirou e não obedeceu a ordem de largar a arma. Infelizmente Vinícius foi atingido, mas est√° est√°vel.

"Fomos dar voz de prisão a ele j√° na rua, no beco. Aí ele se escondeu atr√°s do poste e atirou primeiro", disse o PM.

Ambas as vítimas foram encaminhadas para o Hospital Regional Emília Câmara em Afogados da Ingazeira. Ednaldo não resistiu e veio a óbito ainda na noite deste domingo. Vinicius, conhecido por ser integrante do grupo Vacila Samba, foi submetido a uma tomografia no abdômen devido à perfuração.

O atirador, junto com a arma usada no crime, foi preso pela Polícia Militar momentos após o fato e levado para a √Ārea Integrada de Segurança (AIS-20), onde ficar√° à disposição da justiça.

O motivo do crime teria sido, segundo o acusado, devido uma ocorr√™ncia de trânsito envolvendo a vítima e o acusado no ano de 2018. Genival e Ednaldo passaram a ser desafetos.

Fonte: As informações são do blog do Nill J√ļnior

Comunicar erro

Coment√°rios